domingo, junho 12, 2011

Os Fémiguitos avaliam o FM - "O termo família aplica-se na perfeição"


Todos os encontros do FM foram diferentes, mas todos igualmente especiais. Sinto que os vivi da melhor maneira, pois voltei sempre para casa de espírito renovado, com um sorriso enorme nos lábios. Fui acolhida de uma forma absolutamente extraordinária; e, nunca me senti como uma “estranha”. O termo família aplica-se na perfeição, pois o conforto e segurança que sinto não poderiam ser mais evidentes.

Em todos os encontros cresci e aproximei-me de Deus. Em todos tive oportunidade de me conhecer, e de criar uma nova estrutura emocional e espiritual, outrora destruída. O FM foi/é uma bênção. Ajuda-me a ser “eu”, verdadeiramente, a compreender o significado da mensagem de Jesus, o significado que poderá ter a minha vida, e de que forma posso ajudar a tornar este mundo num lugar mais fraterno para viver. Abriu o meu coração para os outros, para Deus e para o que Ele quer de mim.


O tema que mais me marcou foi “ O Bom Pastor dá a vida pelas suas ovelhas”. Mas o que me acompanhou durante o ano, o tema que me fez acordar foi “ O Bom Pastor é a porta das ovelhas”.

No que diz respeito à Missão e à vida missionária, os valores que mais aprecio são a entrega total, o amor pelo ser humano na sua plenitude, o serviço e o amor à mensagem de Cristo.

Viver e anunciar aquilo em que acredito ainda não se afigura fácil, principalmente a parte do “anunciar”. Ainda há insegurança e o medo: “ Será que vão gozar comigo?”, “ Que irão dizer de mim? … mas pouco a pouco vou tendo cada vez mais a confiança de assumir plenamente a minha fé e claro, tento viver de acordo com ela ao máximo.

Para crescer no amor à missão, sinto que tenho de estar mais envolvida na comunidade em geral – paróquia, voluntariado, etc. mas confesso que nasceu o “bichinho” em mim de um dia ir a África em missão. Agora em que “moldes” … isso o futuro o dirá.

O FM veio abrir um mundo completamente novo para mim. Semeou em mim o desejo intenso de testemunhar Cristo, pois se antes o queria fazer, só agora tenho ferramentas e o conhecimento necessários à procura desse caminho. Sou hoje uma pessoa mais consciente, mais atenta às necessidades dos outros. Criei uma relação muito mais próxima com Deus e Jesus.

Resta-me dizer: OBRIGADA. E espero poder continuar a cá vir, mesmo que seja só de vez em quando. O FM é uma das razões pelas quais eu fico triste por deixar Portugal no próximo ano lectivo.

- Ana Beatriz Ferreira (FM SUL)

3 comentários:

Jacinta disse...

Gostei muito Bea :) Ainda bem que pudeste fazer este ano de FM :) Ficámos todos mais ricos :)

Teresa Ramos disse...

Bea OBRIGADA por este texto fantastico. Escreveste tudo aquilo que sentimos em relaçao a esta enorme familia combiniana, o espirito de alegria , de fraternidade ... todos irmaos e a espalhar a Boa Nova com ELE nos ensinou :D . Adorei conhecer-te !

Beatriz disse...

Muito obrigada, Jacinta! E muito obrigada, Teresa, também adorei conhecer-te! Posso garantir-vos que tudo o que escrevi foi do coração :) um grande beijinho *