sábado, março 03, 2007

Como explicar?



Olá pessoal!

Hoje a minha sessão de catequese ao 4ºano era sobre :«Jesus, a palavra que transforma». E a história que tive de contar foi a da samaritana com Jesus no poço, quando Ele lhe diz:
"Se conhecesses o dom de Deus e Quem é Aquele que te diz: Dá-me de beber, tu é que Lhe terias pedido e Ele dar-te-ia uma água viva."
E quando a samaritana lhe pergunta onde é que tem essa água viva, Jesus responde-lhe:
"Quem bebe desta água voltará a ter sede; mas quem beber da água que Eu lhe der não voltará a ter sede, porque a água que Eu lhe der tornar-se-á nele uma nascente a jorrar para a vida eterna."

Estas palavras foram um pouco complicadas de explicar, pois perguntei-lhes se eles sabiam o que era esta água viva, e alguns respondiam que era "água muito boa", ou seja, todos diziam que era água de beber. Tentei explicar-lhe o que era de uma forma muito simples, pois a bíblia nem sempre pode ser levada à letra, mas quando vinha para casa pus-me a reflectir sobre o assunto... Será que nós nos apercebemos quando Deus nos quer dar essa água viva?

O que significa para vocês esta água viva que mata a sede e dá vida eterna?

Obrigada pela ajuda!

Boa fim de semana e um abraço para todos!

3 comentários:

Madalena disse...

Querida Jacinta,

também já eu dei essa catequese e há uns anos!:)

Porém, creio que a Água Viva é Jesus. Quem bebe (de) Jesus jamais terá sede, porque ele mata-nos a sede. Jesus não é como a água que sai das torneiras e que num momento nos sacia, mas da qual continuamos sempre dependentes. Jesus é água boa, água que nos salva, água que nos sacia para a eternidade!

Até há um cântico assim:

"Senhor eu tenho fome,
não é de pão é da tua vida.
Tenho sede infinita de Ti,
minha terra, seca, ressequida."

e há um outro:

" Se não comerdes da minha carne
e não beberdes do meu sangue,
não tereis a vida em mim,
não tereis a vida em mim."

Eu disse às minhas meninas (porque o meu grupo só tem raparigas) que Jesus é essa água, que nos mata a sede, que nos salva. E talvez não tenha sido tão dificil assim compreender. Os miudos têm uma imaginação e uma capacidade de abstração muito mais apurada do que nós imaginamos (lado profissional a falar:) ).

A verdade é que temos tendência a racionalizar e a justificar tudo. Mas em Cristo, há mistérios que só se compreendem e aceitam pela Fé.

Infelizmente creio que as nossas crianças não têm hábitos de oração. Levamo-las poucas vezes pertinho de Jesus (no sacrário) para conversarem (rezarem) com Ele. Certamente quando crescerem também não terão esses hábitos.


Mil beijos querida,
Mada-sul.

Maria João disse...

Para mim é água que existe todos os dias e em qualquer lugar. Afinal, essa água é a Palavra de Deus.

E é uma água incrível, que nos refresca, purifica e nos dá força. Dela temos sempre sede, mas não uma sede que seca. Dela nunca nos fartamos, porque quanto mais a bebemos, mais A queremos.

beijos em Cristo

Jacinta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.